Dando sequência nas redações que nossos alunos produziram para falar sobre os sentimentos que estão lidando por conta do Coronavírus e do isolamento social, hoje vamos mostrar a vocês a redação e o desenho do aluno Guilherme Alves farro de França, de 10 anos, da turma A4.

Texto

Eu na quarentena me tornei mais amigo, irmão, filho, paciente e ansioso. A quarentena está sendo de boa, as vezes chato,as vezes legal. Gostaria muito que as coisas voltassem ao normal pois sinto muita saudade dos meus amigos do instituto. Às vezes tenho a sensação que o tempo não passa, parece que as minhas atividades escolares estão maiores; mas sei que é a mesma coisa se eu estivesse na escola. Saudade do meu dia a dia e dos meus amigos do instituto Neymar.