Acreditando em uma sociedade melhor tendo como objetivo a formação de crianças e adolescentes para serem instrumentos de transformação social no Brasil, o Instituto Projeto Neymar Jr. cativou dois representantes da diretoria do Paris Saint Germain. Em passagem pelo país na última sexta-feira (10), Maxwell e Antero conheceram de perto o trabalho desenvolvido no Jardim Glória e se mostraram empolgados em contribuir com o INJR.

p1610329

Antero José, Diretor de Esportes do PSG, contou que o presidente do clube francês, Nasser Al-Khelaïfi se mostrou muito interessado em conhecer o Instituto e que em breve pretende ver de perto o que Neymar Jr. e sua família já lhe contaram.

“Queria dizer que ele está muito curioso em conhecer o projeto e que em breve virá fazer uma visita. Tínhamos uma grande curiosidade, porque a família Neymar e o Altamiro Bezerra nos falaram diversas vezes da grandiosidade desse projeto. Mas eles foram muito humildes, porque o projeto é muito maior daquilo que eles tinham nos transmitido. Na primeira oportunidade que tivemos viemos conhecer o projeto e também compartilhar das nossas experiências e conhecimento”.

p1610596

Quem também esteve no complexo educacional e esportivo para conhecer toda a estrutura física e conceitual do INJR, foi o ex-jogador e Coordenador de Esportes do PSG, Maxwell Scherrer. Ele que já defendeu diversos clubes europeus e as cores da Seleção Brasileira, contou que se mostrou impressionado no trabalho social que o Instituto está fazendo com inclusão social.

“De uma maneira geral fiquei bem impressionado. Estrutura fantástica e o conceito, principalmente no acompanhamento pedagógico das crianças e também em termos de valores. Acho que o Instituto está de parabéns por inserir valores importantes e criar pessoas melhores para a nossa sociedade”.

p1610546

Recebidos pelo Diretor Financeiro do Instituto Neymar Jr., Altamiro Bezerra, a dupla do PSG conheceu todos os espaços do Instituto. Altamiro salienta que é de extrema importância trocar experiência com o clube que também realiza um trabalho social com a Fundação PSG e que estuda possibilidades de futura parceria.

“Nós agora somos da família Paris Saint Germain, então tê-los aqui é muito importante porque é a união da família. Nós conseguimos reunir aqui hoje o pensamento do Instituto com o do PSG que é o de ajudar, desenvolver as crianças, potencializar essas famílias carentes com acesso à cultura, educação, desporto, saúde e tudo o que o Instituto prioriza e o PSG valoriza da mesma forma”, finalizou.