Nesta terça-feira (5), aconteceu o 1º Encontro de Violões do Instituto Projeto Neymar Jr. entre os alunos atendidos.  As crianças que frequentam o INJR no período matutino se reuniram no auditório para uma apresentação, comandada pela professora de música, Gisele de Vasconcelos Gomes.

Selecionadas durante as aulas que ocorreram ao longo do semestre, três turmas de cerca de 20 alunos se apresentaram no auditório para os colegas de classe. Ao todo, 5 músicas foram performadas por cada turma, dos gêneros rock nacional, rock internacional, pop e musical.

A preparação feita em sala de aula contou com o auxílio de vídeos e aplicativos que ofereceram uma base para que as crianças pudessem inserir o instrumento de cordas. O Encontro marcou a conclusão do Curso de Iniciação de Violão.

Foi a professora Gisele de Vasconcelos Gomes que idealizou e organizou o encontro. Ela conta que os alunos se prepararam bastante para a apresentação e usufruíram das plataformas tecnológicas da melhor forma para aprender. “Fizemos isso durante todo esse tempo que estamos tendo aula com os nossos alunos e hoje os violões estão afinados, todos aqui no auditório para o grande dia da nossa apresentação. Eles estavam super empolgados para tocar e se saíram muito bem”, conta.

A professora compartilha, também, que um dos grandes propósitos das aulas de música do Instituto é mostrar que todo mundo pode fazer música, mesmo sem ter um instrumento em casa. “O meu desejo sempre foi mostrar para eles que, mesmo sem ter um instrumento musical, eles conseguem fazer música. Eles conseguem tocar, porque o grande desafio de quem é músico é a questão de ter ou não um instrumento, e não precisa ter um instrumento para aprender”.

A aluna Thauany Eduarda, de 12 anos, participou da apresentação. Ela conta que gosta tanto das aulas de música que pensa até em se tornar profissional. “Eu gosto de violão e bateria. A apresentação de hoje foi muito legal, eu achei muito incrível”, relata ela.

Amanda Gomes Silva, também de 12 anos, disse que o nervosismo atrapalhou um pouco, mas no final tudo deu certo! “Eu pensei em desistir, mas a professora [Gisele] me ajudou. Foi legal, eu gosto muito de tocar violão”, completa Amanda.

O Instituto acredita que incentivar o gosto pela música e o aprendizado de instrumentos musicais acrescenta muito no futuro dos alunos, e atividades como o Encontro de Violões reforça o interesse pela arte.

Instituto Projeto Neymar Jr. holds 1st Student Acoustic Guitar Encounter

This Tuesday (5th), the Instituto Projeto Neymar Jr. organized the 1st Acoustic Guitar Encounter among the students. The children who attend the INJR in the morning gathered in the auditorium for a presentation, led by the music teacher, Gisele de Vasconcelos Gomes.

Selected during the classes that took place throughout the semester, three groups of about 20 students performed in the auditorium for their classmates. 5 songs were performed by each class, from the national rock, international rock, pop and musical genres.

The preparation made in the classroom had the help of videos and applications that offered a basis for the children to insert the string instrument. The Encounter marked the conclusion of the Guitar Initiation Course.

It was Professor Gisele de Vasconcelos Gomes who conceived and organized the meeting. She says that the students prepared a lot for the presentation and took advantage of the technological platforms in the best way to learn. “We did this all the time we were having classes with our students and today the guitars are in tune, everyone here in the auditorium for the big day of our presentation. They were super excited to play and they did really well,” he says.

The teacher also shares that one of the great purposes of the Institute’s music classes is to show that everyone can make music, even without having an instrument at home. “My desire has always been to show them that, even without a musical instrument, they can make music. They can play, because the great challenge of being a musician is whether or not you have an instrument, and you don’t need to have an instrument to learn”.

Student Thauany Eduarda, 12 years old, participated in the presentation. She says that she likes music classes so much that she even thinks about becoming a professional. “I like guitar and drums. Today’s presentation was really cool, I thought it was really amazing”, she says.

Amanda Gomes Silva, also 12 years old, said that nervousness got in the way a little, but in the end everything worked out! “I thought about giving up, but the teacher [Gisele] helped me. It was cool, I really like playing the guitar”, completes Amanda.

The Instituto believes that encouraging a taste for music and learning to play musical instruments adds a lot to the students’ future, and activities such as the Guitar Encounter reinforce their interest in art.